O Sisu e o Prouni são os sistemas oficiais do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), portanto, são os mais utilizados para ingressar no ensino superior. As vagas disponíveis através dos programas têm sido cada vez mais concorridas e por isso, vale lembrar que existem outras formas de usar a sua nota do Enem.

Descontos

Uma opção  bem interesse para quem quer ampliar as suas chances para ingressar em uma universidade, é utilizar a nota do Enem para ganhar desconto nas instituições. Diversos núcleos dispõem dessa facilidade, basta você verificar no site oficial da faculdade de sua preferência.

O estudante deve ir até a instituição para calcular a sua nota e verificar a opção do desconto. Quando o aluno consegue atingir a pontuação média da universidade com a pontuação do Enem, o mesmo não precisa realizar a prova de vestibular da instituição;

Quando não vem a atingir a pontuação média com a nota do Enem ou simplesmente não participou da prova, o estudante precisa participar das inscrições para os vestibulares 2020 para a unidade escolhida.

Vale mencionar que esses descontos também ficam disponíveis através de programas como o Educa Mais Brasil e o Quero Bolsa, que não exigem a participação no Enem para garantir os descontos.

Ambos os programas funcionam através de uma plataforma digital e os descontos variam de acordo com o curso, a instituição e a localidade e são válidos até o final do curso.

Financiamento

Uma opção que também pode ser vantajosa é começar a estudar através do financiamento estudantil. u método muito utilizado por quem não pode custear a permanência em um instituição do nível superior.

Atualmente, um dos maiores programas de financiamento estudantil é o Fies que, vale enfatizar, exige a participação dos estudantes no Enem pois a distribuição de bolsas é feita com base na pontuação dos estudantes.

O Fies oferta bolsas parciais e integrais nos mais diversos cursos e os alunos que conseguirem começar a estudar através dos recursos facilitados do programa, só precisam começar a retornar as parcelas mais de um ano depois da finalização do curso.

Mas caso o estudante não tenha participado do Enem ou não tenha obtido pontuação suficiente para concorrer no Fies, uma boa oportunidade pe oferecida pelo PraValer.

O PraValer também é um programa de financiamento estudantil que oferta auxílio parcial e integral, dependendo de cada situação. As condições de contratação ficam disponíveis no site.