Sabemos que o mundo contemporâneo está totalmente tomado pela eletricidade, seja no banho quente, micro-ondas ou no computador que passa horas ligado. Com isso, a demanda por profissionais nesta área é bastante alta. Os eletricistas com cursos técnicos e de aperfeiçoamento encontram boas oportunidades de emprego. 

O eletricista é um profissional capacitado para fazer instalações elétricas em diversos locais, sejam eles residenciais, comerciais ou industriais, seguindo é claro, todas as normas técnicas e de segurança. 

Outras funções deste profissional é a manutenção elétrica e a instalação de equipamentos eletrônicos. 

Além de todas essas funções, os eletricistas qualificados também podem trabalhar em construção civil, indústria, empresas petroquímicas, prestadoras de serviço, em órgãos públicos e como autônomos.

De modo geral, o mercado de trabalho para este profissional é bastante amplo. Para exemplificar, listamos a seguir alguns dos principais serviços que podem ser executados pelo eletricista:

  • Instalações elétricas novas em casas e apartamentos;
  • Manutenção e instalação de bombas d’água;
  • Atuar na manutenção elétrica em hotéis, motéis e pousadas;
  • Reformas de instalações elétricas antigas;
  • Instalações de equipamentos elétricos, por exemplo, ventiladores de teto; aquecedores, motores elétricos, etc.;
  • Manutenção elétrica residencial e comercial, como troca de disjuntores, tomadas, interruptores, luminárias, etc.;
  • Entre outras. 

Tendo isso em vista, já podemos dizer que há uma gama de opções para o profissional nesta área atuar. 

Cenário atual do mercado de trabalho para eletricista 

São diversas as vagas de trabalho para eletricistas. No entanto, para garantir seu emprego é necessário que o profissional seja qualificado, pois como há diversos profissionais na área, apenas aqueles que estiverem bem capacitados conseguiram se destacar. Por isso, muitos acabam fazendo os cursos do SENAI 2021

O cenário é que em 2021 haverá um alto número de vagas para o setor, visto que as empresas e indústrias estão precisando da mão-de-obra desses profissionais. 

Além disso, o que também colabora para o aquecimento do mercado no setor é a corrida por cada vez mais qualificação profissional.

Existe um outro cenário que aponta cada vez mais investimentos na área de pesquisa e ensino. Essas pesquisas de novas tecnologias e soluções, movimentam toda a área, o que no fim, acaba gerando vários postos de trabalho. 

Quanto ganha o eletricista?

De acordo com um levantamento feito pelo site de empregos Catho, um eletricista ganha R$ 1.008,00 e R$ 2.800,77.

A média salarial nacional deste profissional é R$ 1.695,20. Abaixo, confira as médias salariais para algumas funções desempenhadas pelos eletricistas, segundo o Catho:

  • Eletricista Industrial: R$ 1.883,94;
  • Mecânico Eletricista: R$ 1.959,01;
  • Eletricista de Veículos: R$ 1.692,74;
  • Eletricista Eletrônico: R$ 2.524,78;
  • Oficial Eletricista: R$ 1.386,61;
  • Eletricista de Instalações: R$ 1.354,21;
  • Eletricista de Força e Controle: R$ 1.994,93;
  • Auxiliar de Eletricista: R$ 1.048,45;
  • Eletricista Montador: R$ 1.652,15.